EM NATAL: Motociclista morre com a garganta cortada por linha com cerol

As marcas de sangue do motociclista ficaram no asfalto onde ele caiu

Um motociclista de aproximadamente 40 anos morreu depois de ter a garganta cortada por uma linha revestida com cerol, no conjunto Pajuçara, zona Norte de Natal.

O fato aconteceu por volta das 17h30 desta terça-feira (21). Antônio Jorge de Lima transitava de moto pela avenida Tocantínea, vindo do conjunto Nova Natal para o Pajuçara. Ele tinha saído do serviço e ia pegar o filho na escola, mas quando passava ao lado de um campo de futebol, não percebeu a linha de uma das pipas que alguns adolescentes soltavam no local.

A linha continha cerol, uma mistura de pó de vidro com cola, e cortou a garganta do motociclista profundamente. Ele foi levado para a UPA do Pajuçara por populares, mas morreu logo depois de ser socorrido.

O caso será investigado pela Polícia Civil. Soltar pipa com cerol é crime tipificado em vários artigos do Código Penal. O cerol é utilizado nas linhas das pipas para cortar ade outras pipas, uma brincadeira perigosa e que deve ser denunciada pela população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *